A turma do 5º G da EB 2/3 de Nevogilde, criou um blogue para toda comunidade escolar.... Um blog multidisciplinar... Participa!!!

18
Fev 09

 

O Golfinho  
 
A principal época de acasalamento é entre Março e Abril. Os golfinhos juntam-se nesta altura, por um breve espaço de tempo, em que o macho demonstra preferência pela companhia de um determinada fêmea. A corte pode ser feita de forma violenta, com muitas cabeçadas pelo meio.
As crias nascem no pico do Verão em águas europeias e entre Fevereiro e Maio na Florida. A ligação entre a mãe e a cria é tão forte que já se testemunhou mães a trazerem crias mortas á superfície, como que a querer ajudá-las a respirar. A mãe  e a cria permanecem juntas até esta Ter quatro ou cinco anos de idade.

Quando estão em liberdade os golfinhos alimentam-se de 8 a 10 kg de lulas, camarão, enguias e outros peixes, por dia. Caçam frequentemente em grupo, encurralando pequenos peixes e capturando os que saem do cardume; em algumas águas, seguem os barcos de pesca para se banquetearem com as sobras. As técnicas de caça dependem muito da localização. Na Carolina do Sul, EUA, por exemplo, os golfinhos seguem o peixe até à costa e empurram-no até à praia, capturando-o No entanto, no Golfo do México, já foram avistados golfinhos que jogam as suas presas ao ar com os lobos das caudas, para as atordoarem, e depois capturam-nas à superfície. Alguns pesquisadores acreditam que estes conseguem atordoar as suas presas emitindo altos ruídos.
 
Os golfinhos nariz de garrafa viajam em grupos familiares de um a dez indivíduos, em regiões costeiras, e por vezes até 25 em mar alto, apesar de já se terem registado grupos de 500 elementos. Dentro destes grupos, é vulgar passarem o tempo com os seus companheiros favoritos. As fêmeas e as crias pequenas andam normalmente juntas, tal como os machos. É possível avistar o golfinho nariz de borracha a acompanhar a onda de proa dos navios e fazer piruetas, podendo sair vários metros para fora de água. Dormem cerca de oito horas por dia e nadam a uma velocidade de cerca de 20 km por hora, podendo mergulhar até 20 minutos e a uma profundidade de 300 m. Os machos lutam ferozmente pelas fêmeas durante a época da reprodução. Um golfinho nariz de garrafa faz uma pirueta para respirar e também, para comunicar com os seus parceiros.
 
Fonte: Diana e Rute
publicado por OceanoPacifico às 18:03
sinto-me:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
28


blogs SAPO
arquivos
2009